mini curso gestão de agências

Nem Tudo Precisa Acabar em Pizza! Sobre a falta de tempo em Agências!

As agências de publicidade precisam gerenciar o tempo de seus colaboradores. Afinal, elas vendem horas. Nesse artigo, vamos conversar um pouquinho sobre a tal "falta de tempo" que sempre rola nas agências de publicidade!

[fa icon="calendar"] 31/01/2017

Gestão do tempo em agências de publicidade

Como você lida com a falta de tempo na rotina de trabalho?

Administrar prazos é uma tarefa das mais desafiadoras nas agências de publicidade. Com raríssimas exceções, o nosso trabalho depende de várias entregas, respostas e tarefas vindas de outros departamentos (mídia, produção, criação etc.), de fornecedores, de clientes.


Qual a Relação entre Trabalho e a Falta de Tempo em Agências de publicidade?

Sei que a gente vive em um mundo em que velocidade conta, mas é justo por isso que preservar um precioso tempo para que se realize uma boa gestão dos jobs é fundamental. A pergunta que não quer calar é: falta tempo porque há muito trabalho ou porque o tempo nos é "roubado"?

O problema não é trabalhar muito, mas trabalhar mais do que o necessário por conta de ineficiência, de trabalhar errado, de trabalhar correndo na última hora – justo quando não há mais brecha para uma correção de rumo sem prejudicar o projeto como um todo.

 

O Foco no Trabalho em Benefício do Tempo

Muitos já escreveram sobre o quanto checar emails a todo instante e viajar na rede de hiperlink em hiperlink sabota nosso foco e toma muito do nosso tempo, portanto não vou falar sobre isso. Falarei, sim, de outra coisa que sempre me chamou atenção e que não tem nada a ver com essas questões da modernidade, digamos assim.

Vejamos. Um trabalho integrado implica justamente em uma coisa que puxa a outra, que depende da outra, que se conecta à outra. Infelizmente, há quem não se dê conta de que não trabalha sozinho. Portanto, por mais que haja uma tarefa que só possa ou deva ser executada por determinada pessoa, o que ela entrega é apenas parte de um todo.

Não basta fazer a sua parte na hora que lhe for conveniente e o todo se completará como mágica. Quem não percebe (ou finge que não percebe) que uma coisa se conecta à outra, acaba por desrespeitar e/ou subestimar o trabalho de seus pares.

Trabalhar com “ladrões de tempo” é viver perigosamente. Vira um exercício de adivinhação, de pressuposto, de infindáveis surpresas (raramente boas). Nos deixa tensos além da medida. Nos faz trabalhar horas a mais vendo longa parte de nosso dia simplesmente desperdiçada. E, quando você percebe, está gerenciando o tempo do outro também, o que gera sempre algum conflito. Todo cuidado é pouco. Basta um só “ladrão de tempo” e no final todos viramos noites e comendo a pizza de sempre.

Planner: Tráfego para Agências

Preparamos um planner para organizar o tráfego da sua agência . Para fazer o download, basta preencher o formulário a seguir


Planilha de tráfego para agências

 

O Resultado de se Trabalhar com "Ladrões de Tempo"

Repare como é comum que quem pensa que trabalha sozinho reclama que se sente “muito pressionado”, como se isso servisse para abrandar ou tirar por completo sua parte de responsabilidade.

Fique de olho e não se deixe comover por esse discurso. Tente contornar a situação com muito diálogo, busque mecanismos que visem a engajar a pessoa no coletivo, de uma forma que ela perceba que seus conhecimentos e habilidades são mais importantes no processo conjunto que fora dele. A velha história de que o todo é mais importante que as partes.

Conclusão

Gestão é zelar pela realização do bom trabalho, por processos que sejam seguidos, pela integração da equipe. Pela entrega do melhor trabalho. Brigar por isso é nossa obrigação, e não tem nada a ver com pressão. Prazo é coisa séria, tempo é dinheiro. E, no final, tudo isso é resultado para a agência e para o cliente. E se sua agência está sempre correndo contra o tempo, talvez seja a hora de procurar soluções para aumentar a produtividade da sua equipe. Abaixo, temos o material que vai ajudar você nessa jornada, clique no banner e faça o download! E não esqueça de colocar as dicas em prática.

 Nova call-to-action

Artigo escrito pela autora convidada Katia Viola. Veja mais sobre a autora clicando aqui 

 



Autor Convidado

Escrito por Autor Convidado

Mais detalhes sobre o autor desse artigo no corpo do conteúdo. Caso você tenha um material que se encaixe no blog do iClips e gostaria de publicar aqui, envie-o para análise: maria.eduarda@iclips.com.br


Posts Relacionados

Ebook Modelo Briefing