<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=424994&amp;fmt=gif">
iZoom 2018

Um guia sobre gestão de pessoas em agências de comunicação

Gestão de pessoas em agências de comunicação: quando todos os colaboradores estão engajados, motivados e ativos, os resultados positivos para a agência são uma consequência.

[fa icon="calendar"] 16/08/2018

Gestão de pessoas em agências de comunicação: tudo o que você precisa saber!

Gestão de pessoas em agências de comunicação: tudo o que você precisa saber!

Como em qualquer outra empresa, a gestão de pessoas em agências de comunicação é um assunto de extrema importância e que precisa de maior atenção  dos gestores.

Por se tratar de um meio em que a criatividade é colocada em evidência diariamente, é fundamental estar ciente das consequências que essa característica pode acarretar.

Isso porque, questões como ego e vaidade  são inevitáveis e devem ser bem administradas a fim de evitar quaisquer conflitos na agência.

Afinal, quando os colaboradores estão engajados e motivados, o primeiro impacto se manifesta na qualidade dos serviços. Quando você tem esse objetivo em mente, fica fácil pensar em ações menos genéricas e mais adequadas ao perfil da sua agência.

O artigo de hoje trata justamente disso: estratégias relacionadas à gestão de pessoas você pode aplicar no dia a dia. Continue lendo para descobrir.

   Confira também:

 

Quais são as melhores práticas para gestão de pessoas em agências de comunicação? 

 

Promova a integração do time

Promover a integração da equipe é uma via de mão dupla. Afinal, ela não só traz ganhos para o colaborador, como também para a própria agência, uma vez que a troca de informações acontece de ambos os lados e de maneira constante.

É nítido que promover o desenvolvimento de habilidades e dar liberdade de expressão aos funcionários é o resultado da confiança que você deposita no seu time. De fato, isso dá mais segurança para que os funcionários desempenhem seu trabalho com mais qualidade e confiança.

Por mais que as ideias sugeridas não sejam aproveitadas em um projeto específico, é interessante que você, enquanto gestor, reconheça sua importância e demonstre o motivo pelo qual a sugestão não poderá ser utilizada naquele momento.

 

Desenvolva um ambiente agradável na agência

De nada adianta criar um integração entre a equipe se o ambiente de trabalho não é acolhedor ou não impulsiona a criatividade, certo? Se tratando de publicidade, o local de trabalho pode e deve ser o mais flexível e confortável possível.

E como sabemos, a pressão no ambiente publicitário é algo extremamente comum. Todavia, é indispensável que o local de trabalho não seja mais um fator para desgastes e estresses, mas sim um lugar saudável e propício para a troca de ideias.

É essencial realizar toda o planejamento do espaço, o que inclui a disposição de móveis, iluminação e cores. Não se esqueça de aplicar uma pesquisa ergonômica antes, pois é ela quem vai direcionar todas as mudanças necessárias.

Mais do que entregar um ambiente visualmente agradável, a estratégia fomenta a comunicação interna, o que garante a identificação de oportunidades de melhorias e, consequentemente, propicia a retenção dos colaboradores.

 Nova call-to-action

 

Crie planos de carreira

Muito se fala em criar ações para tornar os colaboradores mais motivados e dispostos a vestirem a camisa da empresa. Em agências de comunicação não é diferente.

Nesse sentido, criar planos de carreira é indispensável para que os colaboradores enxerguem um futuro na agência e se sintam mais engajados.

Além de atender às expectativas dos funcionários e deixar as oportunidades mais claras, um plano de carreira auxilia na definição do escopo de treinamentos, direciona melhor os feedbacks e corrige falhas de forma mais assertiva.


Crie programas de recompensas

Não é novidade que o ambiente publicitário é naturalmente competitivo. Mas sabia que dá para elevar essa prática a um nível, digamos, mais saudável? 

Se o objetivo é potencializar os resultados da agência e promover a retenção, criar competições que tenham como intuito deixar os funcionários mais motivados e empolgados com o trabalho é uma boa pedida.

Antes de colocar essa ação em prática, é importante planejar a atividade adequadamente, identificando as necessidades dos envolvidos e definindo o tipo de premiação. Mãos à obra!


Faça feedbacks constantes

Você costuma dar ou receber feedbacks? Caso sua resposta for negativa, a dica é: comece já! Como mencionamos anteriormente, por se tratar de um trabalho criativo, é preciso ter ainda mais atenção com a forma de comunicação na agência.

Por exemplo, quando uma campanha é alvo de elogios por parte de um cliente, nada mais justo do que compartilhar essa boa notícia com toda a equipe.

Se possível, cite os envolvidos no projeto em questão e parabenize-os pelo bom trabalho desempenhado.

Em contrapartida, se uma campanha não agradou tanto assim ou não trouxe os resultados previstos pelo cliente, procure não expor um determinado colaborador diante de todo o time. Nesse caso, chame-o para uma conversa em particular e mencione as insatisfações do cliente, sempre destacando os pontos de melhoria.

A partir do momento em que instaura-se uma cultura de feedbacks constantes na agência, uma série de mudanças começam a ocorrer. Além de se sentirem mais valorizados, os colaboradores trabalham com mais satisfação e segurança.

Outras vantagens dos feedbacks são:

  • Reforça o senso de responsabilidade dos funcionários;
  • Auxilia na retenção de talentos;
  • Detecção de eventuais problemas com antecedência;
  • Indica melhorias possíveis para o ambiente de trabalho;
  • Entre outros.

Ofereça salários adequados

Se você acompanhou a repercussão da planilha “Como é trabalhar aí”, - documento que expôs uma série de críticas relacionadas ao ambiente de trabalho nas agências -  observou que uma das queixas mais frequentes dos profissionais de agências de publicidade no Brasil está pautada na remuneração.

Baixos salários e ausência de um plano de carreira são só alguns problemas citados no documento. Dito isso, tirar conclusões baseadas apenas na nomenclatura dos cargos pode ser um tiro no pé.

É  fundamental estabelecer análises mais detalhadas sobre as exigências que o cargo exige, além das entregas realizadas pelos profissionais em questão. É preciso ter muito cuidado ao observar essas questões, pois salários incompatíveis resultam, na maioria das vezes, em desligamentos de excelentes funcionários.

Embora a média salarial deva ser considerada ao estabelecer valores de remuneração, é preciso levar uma série de fatores em consideração. Selecionamos os principais:

  • Porte da agência e média salarial do mercado;
  • Nível de exigência das tarefas;
  • Experiência prática;
  • Responsabilidades atribuídas ao cargo;
  • Momento no qual a agência se encontra.

Organize processos na agência e melhore a produtividade do time

Quando você formaliza os processos na agência, a comunicação entre toda a equipe é unificada, a administração do atendimento às suas contas é mais eficiente e o prazos são melhores gerenciados.

Claro que colocar esse plano em prática não é uma tarefa simples, é por isso que contar com uma ferramenta que dê suporte aos principais desafios de uma agência é fundamental.

A boa notícia é que já existem sistemas de ERP no mercado com funcionalidades desenvolvidas especificamente para dar suporte às atividades realizadas em empresas de comunicação.

Esses recursos contam, na maioria das vezes, com o timesheet - funcionalidade que que calcula a quantidade de tempo que um funcionário utilizou para efetuar uma determinada tarefa. Com ele, é possível identificar o valor da hora de trabalho de cada colaborador, auxiliando, de modo objetivo, a entender o custo total de um projeto.

A ferramenta também é uma excelente opção para tomar melhores decisões a favor do aumento da produtividade da equipe, já que conta com relatórios completos de desempenho e produtividade dos funcionários.

Quer começar a utilizar o timesheet a partir de agora? Faça o download da nossa planilha gratuita agora mesmo!



Viviane Rodrigues

Escrito por Viviane Rodrigues

Graduada em Jornalismo e cursando Marketing, auxilia no marketing do iClips e acredita que o marketing digital tem grande importância na condução de qualquer negócio.


Posts Relacionados

Saiba como aumentar a produtividade da sua agência