<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=424994&amp;fmt=gif">
iZoom 2018

O que é business intelligence e como utilizá-lo em minha agência?

Sistemas de Business Intelligence podem ser empregados em agências de publicidade a fim de automatizar as atividades e criar relatórios gerenciais. Continue lendo e confira outros benefícios dessa ferramenta para sua agência!

[fa icon="calendar"] 19/02/2018

O que é Business Intelligence e como utilizá-lo em minha agência

Você sabe o que é Business Intelligence? Ou melhor, você já o utiliza na rotina de sua agência?

Nas últimas décadas, passamos por muitas mudanças na forma como nos comunicamos e consumimos produtos, serviços e conteúdos. Graças ao avanço dos dispositivos móveis e à expansão do acesso à web, as interações humanas estão mais dinâmicas e com menos limitações.

Nesse cenário, as agências têm que lidar com um volume de dados crescente para otimizarem campanhas e estratégias. Para isso, é vital saber o que é Business Intelligence (BI) e como ele pode ser útil no foco do negócio.

Isso porque o grande contingente de informações é capaz de desviar a atenção da agência do que importa para coisas irrelevantes do dia a dia, prejudicando decisões, operações e os processos internos. Quer saber como evitar esse fator com o uso do BI? Continue lendo e descubra!

 

O que é Business Intelligence?

O conceito de Business Intelligence (Inteligência de Negócios) envolve a transformação de dados brutos em informações importantes e estratégicas para uma empresa.

Como o ritmo de produção de dados nas corporações têm crescido, é importante contar com uma ferramenta que consiga unir, processar e extrair conteúdos úteis do meio deles para os gestores.

Para resolver isso, aumentando o poder desses dados, é preciso contar com um sistema de Business Intelligence, pois ele coleta, organiza e analisa essas informações, entregando-as de forma otimizada para os tomadores de decisão.

Quando o objetivo é alcançar a eficiência em resultados, lançar mão de dados concretos sobre o seu negócio e também do mercado como um todo é essencial para não cometer erros de gestão.

Tais informações podem ser coletadas a partir das seguintes fontes:

  • Dentro da própria agência;
  • Baseadas nas necessidades dos clientes;
  • A partir das condições atuais do mercado;
  • E dos aspectos econômicos e tecnológicos.

Após a extração de informações relevantes para a agência, é feita uma reengenharia dos processos realizados dentro da sua empresa criativa, a qual será responsável por analisar todo o fluxo de trabalho a fim de efetuar uma reestruturação de todo o processo.

Mas se o propósito é maximizar o desempenho da agência com base em estratégias que deram certo para outras empresas, a estratégia recomendada é a de Benchmarking.

Essa prática funciona como um processo de comparação, na qual uma empresa decide melhorar a forma que uma atividade é realizada com base em experiências de outras instituições.

É importante destacar que não há uma receita de bolo para que os resultados oriundos de Business Intelligence sejam satisfatórios, mas é fundamental colocá-los em prática quando o objetivo é evitar que erros sejam cometidos e prejudique sua estratégia.

 

Como utilizá-lo em agências de publicidade?

O BI pode ser empregado em sua agência de publicidade para a obtenção de dados mais precisos e organizados, que permitam entender os perfis dos seus clientes, além de tendências e previsões do seu segmento.

Também ajuda na automatização de atividades, como a criação de relatórios gerenciais, e na separação de informações úteis daquelas que não acrescentam para o negócio.

Guia de Gestão de Agências por Felipe Morais

O autor Felipe Morais pontua alguns tópicos importantes para realizar uma boa gestão em agências como a sua agência neste guia incrível


Dicas de Gestão de Agências

Por exemplo, na sua agência de publicidade você poderá ter computadores, notebooks, tablets e outros equipamentos que contenham informações sobre seus clientes.

Contudo, elas poderão estar desestruturadas, desorganizadas e distribuídas em diferentes locais e linguagens até mesmo dentro dos dispositivos.

Nesse sentido, uma ferramenta de BI pode ser integrada com um sistema de gestão, potencializando os seus resultados e sua eficiência. Dessa forma, atividades como planejamento, criação e outras podem ser otimizadas. 

Veja, de forma detalhada, os princípios para que sua aplicação seja bem-sucedida.

 

Esclareça sua importância para toda a equipe

Como se sabe, utilizar a metodologia de B.I tem sido uma solução valiosa para empresas que buscam maior assertividade na hora de mensurar a performance de toda a organização.

Mas, sabemos o quão ineficiente pode ser adotar uma nova ferramenta ou recurso sem que antes toda a equipe saiba do que se trata, certo? Se possível, faça uma reunião com seus colaboradores para que seus benefícios sejam vistos e entendidos por todos.

Procure explicar detalhadamente o seu significado e, principalmente, sua importância para o seu time. Só assim será possível ter processos de suporte sistematizados para dar assistência a essa nova forma de análise de informações determinantes para o sucesso do seu negócio.

 

Foque na colaboração entre todos da agência

Equipe que trabalha unida produz mais resultados, disso não temos dúvidas. Se você já ouviu o termo “Agile” alguma vez, sabe do que estamos falando. Esse conceito tem como principal característica a colaboração de todo o time de forma interativa.

A ideia é focar em áreas específicas mas ao mesmo tempo se guiar por uma estratégia totalmente integrada. Ao utilizar esse método para implementar o conceito de B.I em sua agência, certamente você terá mais rapidez e sucesso em suas operações diárias.

 

Concentre-se em métricas importantes

Como já vimos, Key Performance Indicators os KPIs — ou simplesmente métricas, são verdadeiros aliados de qualquer organização que busca eficiência na mensuração de resultados. Mas, o que elas têm a ver com Business Intelligence?

Na verdade, é a partir das métricas que você irá orientar o trabalho de sua equipe e verificar se ele está sendo bem executado. Lembre-se, tais métricas devem estar alinhadas com a estratégia da sua agência e podem variar conforme cada implementação.

 

Defina um sistema de B.I unificado

Simplificar a implementação de uma nova ferramenta é, certamente, a forma mais eficaz para fazer com que a adesão seja completa e eficaz. Mas, isso não significa que a análise de dados deve ser isolada. Portanto, tente unificá-los ao máximo e trabalhe com esses dados simultaneamente.

Pode ser que no início os colaboradores tenham dúvidas, isso é normal quando uma nova metodologia é implementada. Nesse caso, oferecer treinamentos e fazer demonstrações do sistema é imprescindível. Bem, ficou claro que trabalhar com Business Intelligence auxiliará sua agência criativa em todos os sentidos e fará uma enorme diferença na análise de resultados.

 

Quais são os seus benefícios?

 

Diminuição de custos

O emprego de uma solução de BI pode ajudar a reduzir custos dentro do negócio, já que elimina a perda de tempo em análises infrutíferas sobre dados que não acrescentam em nada à operação e à gestão da agência.

Além disso, graças às informações mais precisas sobre a atividade principal da empresa, as tomadas de decisões são mais bem-embasadas, minimizando possibilidades de erros que gerem gastos e prejuízos.

 

Obtenção e customização de relatórios e indicadores

Sistemas de BI produzem indicadores de desempenho e outras métricas sobre processos e rotinas, possibilitando a mensuração adequada de seus desempenhos e resultados.

Com base nesses dados, dá para se planejar e organizar fluxos de trabalho mais eficientes, além de reestruturar os existentes que não atendem às expectativas da agência.

Além deles, você terá acesso a estatísticas, gráficos, cálculos, entre outros instrumentos que colaboram para a obtenção de índices sobre distintos aspectos do negócio.

Isso tudo pode ser organizado na forma de relatórios de gestão, que também podem ser customizados conforme as necessidades e os indicadores utilizados pela agência.

 

Melhora na tomada de decisões

Graças à produção de relatórios otimizados que contenham conteúdos estratégicos, os gestores terão base para tomarem decisões com maiores chances de acertos. Consequentemente, poderão impulsionar o crescimento da empresa e até ajustarem decisões conforma a agência ganha escala.

O emprego de BI em conjunto com uma solução de Big Data ainda é capaz de colaborar na definição de múltiplos cenários para as campanhas.

Desse modo, dá para verificar em quais deles poderá haver melhores resultados, além de descobrir o contexto em que o público desejado é atingido. Também ajuda na escolha dos tipos de mídia para se usar, na criação das peças publicitárias etc.

 

Otimização de processos

Outro benefício é o ganho de velocidade nos processos e rotinas da agência, uma vez que tanto gestores quanto colaboradores param de agir de acordo com medidas de tentativa e erro. Suas atitudes passam a ser mais objetivas e eficientes.

Isso eleva a produtividade e a entrega de resultados, impactando positivamente em todas os setores da organização.

Além disso, a própria automatização de algumas ações torna os processos mais ágeis e dinâmicos. 

 

Maior conhecimento do público-alvo

Uma ferramenta de BI também pode ser usada a fim de fazer uma avaliação comportamental dos clientes com mais acerto e propriedade. Ela possibilita realizar testes hipotéticos e assegurar que as ações sigam os parâmetros do negócio estabelecidos pelo cliente, inclusive dando suporte para a mensuração do retorno adquirido.

A análise, o processamento e o cruzamento de dados gerenciais permite que o gestor controle a quantidade de horas vendidas ao cliente, bem como analisar concorrentes e prospectar potenciais consumidores. Basicamente, facilita o entendimento e a gestão da jornada do consumidor.

Como visto, o Business Intelligence colabora para uma visão geral dos negócios, porém excluindo detalhes que em nada acrescentam às suas atividades. Dessa forma, os dados se tornam mais precisos, servindo para a tomada de decisão mais efetiva dentro da organização.

Agora que você já sabe o que é Business Intelligence, que tal ficar por dentro de mais conteúdos úteis para a sua agência de publicidade?

 Confira nosso mini curso sobre gestão de agências com um módulo especial sobre Business Intelligence. Clique no banner abaixo para começar agora. É totalmente gratuito e online, aproveite!

Clique aqui e acesse o curso de gestão de agências



Viviane Rodrigues

Escrito por Viviane Rodrigues

Graduada em Jornalismo e cursando Marketing, auxilia no marketing do iClips e acredita que o marketing digital tem grande importância na condução de qualquer negócio.


Posts Relacionados

Saiba como aumentar a produtividade da sua agência