01
ago

Análise SWOT: como otimizar seu planejamento estratégico?

Você já sabe como usar a análise SWOT para realizar o planejamento estratégico da sua agência? Leia e descubra!

Você provavelmente já estudou ou, pelo menos, ouviu falar sobre a análise SWOT. Trata-se de um dos métodos mais tradicionais e populares do mercado empresarial para avaliar e realizar o planejamento estratégico de uma organização.

Com as agências não é diferente: a necessidade de tomar decisões bem fundamentadas e de aplicar uma gestão estratégica tornam a matriz SWOT essencial para manter a competitividade e o crescimento dentro do mercado de comunicação.

Pensando nisso, preparamos este artigo para que, ao final da leitura, não restem dúvidas sobre como utilizar eficientemente a ferramenta da análise SWOT. Aqui, será esclarecido como usar esse recurso, quais suas vantagens e como aplicá-lo para otimizar o planejamento estratégico da agência. Prossiga com a leitura e confira!

O que é a análise SWOT?

A análise SWOT é uma sigla da língua inglesa que significa Strenghts, Weaknesses, Opportunities e Threats. Ela é utilizada para que empresas possam realizar um planejamento estratégico mais eficaz levando em consideração as potencialidades da própria organização (fatores internos) e o contexto de mercado em que se está inserido (fatores externos).

Respectivamente, em português, a sigla significa: forças, fraquezas, oportunidades e ameaças. No Brasil, também é usada a sigla traduzida FOFA (um anagrama das iniciais em nosso idioma).

Considerando apenas as palavras que compõem a sigla, já é possível aproximar-se da forma como é feita a avaliação de uma empresa por meio do método. A aplicação da análise consiste em identificar aspectos cruciais sobre a empresa e sua relação com seu meio.

Por conseguir levantar aspectos intrínsecos ao projeto ou organização — e também levar em consideração o contexto em que está posicionada em referência aos seus concorrentes e demais agentes de sua área de atuação —, a análise SWOT é tida como uma das avaliações mais completas dentre as existentes atualmente.

Aproveite que está aqui e baixe nosso modelo gratuito de matriz SWOT!

Nova call to action

Como funciona a análise SWOT?

A primeira parte da execução do método consiste em reconhecer cada quadro da Matriz de acordo com sua agência. A análise SWOT é formada por quatro áreas avaliadas, da seguinte forma:

  • forças: características internas que representam vantagem em relação às agências competidoras;
  • fraquezas: características internas que representam desvantagem em relação às agências competidoras;
  • oportunidades: características externas que impactam positivamente a agência;
  • ameaças: características externas que impactam negativamente a agência.

Os fatores internos dizem respeito a questões que podem ser modificadas pela agência. Tratam-se de qualidades que podem ser influenciadas diretamente por meio de ações administrativas.

Por isso, são aspectos maleáveis que devem, sempre que possível, receber atenção e investimentos buscando a maximização dos pontos fortes e erradicação dos pontos fracos.

De forma oposta, as características apontadas como extrínsecas (oportunidades e ameaças) não podem ser controladas pela própria agência. Assim, esses quadrantes comumente apontam elementos que representam tendências a serem consideradas ou riscos a serem evitados.

Atenção! Não se engane pela simplicidade aparente da chamada Matriz SWOT, uma vez que qualquer deslize em montar um de seus quadrantes pode prejudicar a análise completa da agência. Isso ocorre porque cada aspecto deve ser montado individualmente, entretanto, depois será avaliado com o conjunto para a decisão de estratégias.

A relação entre as informações contidas em cada quadrante é crucial para o desenvolvimento de uma estratégia coerente. Portanto, é fundamental que cada quadrante seja formado com extrema atenção e realismo, para que a análise SWOT tenha validade e consiga atingir seus objetivos em sua avaliação.

Por que usar a análise SWOT no planejamento estratégico?

Agora que você já sabe ou lembrou-se do potencial da análise SWOT, vamos explicar melhor como usar esse método no planejamento estratégico de uma agência.

Primeiramente, é importante perceber como essa ferramenta pode ser aplicada em praticamente qualquer tipo de empresa ou projeto, já que a metodologia possibilita que cada avaliação seja feita de acordo com seu respectivo cenário e mercado, respeitando todas suas especificidades.

Por isso, a completude de seu diagnóstico permite que a análise SWOT sirva para fundamentar qualquer tomada de decisão importante sobre a empresa. Logo, o método é, geralmente, empregado em qualquer momento de mudança significativa na empresa, seja durante uma expansão digital, o lançamento de um novo produto ou para a implementação de uma nova abordagem no marketing ou na gestão de pessoas da agência.

Assim, os principais benefícios em aplicar a análise SWOT são:

  • segurança em tomada de decisões;
  • reconhecimento realista do cenário atuante;
  • compreensão assertiva sobre a concorrência;
  • antecipação de tendências;
  • planejamento de alternativas de ação.

Dessa forma, é recomendado que a análise SWOT seja realizada periodicamente para que as ações administrativas e estratégicas adotadas ainda estejam coerentes com a realidade da agência, visto que tanto os quadros internos quanto os externos da Matriz SWOT estão constantemente sofrendo alterações.

Como usar a análise SWOT para otimizar o planejamento da agência?

A aplicação da análise SWOT em agências segue exatamente como foi descrito, mapeando os pontos positivos e negativos de dentro e de fora da organização. No caso das características internas, é importante se atentar para as particularidades da agência: aquilo que torna ela diferente das demais. As forças e fraquezas de uma empresa costumam se encontrar nessas peculiaridades.

Da mesma forma, utilize todo seu conhecimento acerca de sua área de atuação para definir as ameaças e oportunidades enfrentadas. Todo tipo de informação que seja relacionada especificamente ao mercado analisado deve ser considerada minuciosamente para o diagnóstico externo.

Como fazer a Matriz SWOT para sua agência

  1. Anote suas forças.
  2. Liste suas fraquezas.
  3. Enumere as oportunidades.
  4. Destaque as ameaças.
  5. Insira as informações em uma planilha, separando cada quadrante.
  6. Considere as correlações entre os elementos da Matriz SWOT, como:
  • quais oportunidades podem ser potencializadas pelas forças?
  • quais ameaças podem ser lidadas eficientemente com forças?
  • quais fraquezas podem prejudicar minha capacidade de aproveitar as oportunidades?
  • quais fraquezas podem acabar potencializando ameaças?

Como é facilmente perceptível ao aprofundarmos no método, a popularidade da análise SWOT é completamente justificada pela sua capacidade de diagnosticar com precisão e embasar decisões importantes para qualquer empresa. Portanto, lembre-se de aplicar o método para auxiliar na administração e na criação do planejamento estratégico de sua agência — assim, suas chances de se destacar no mercado da comunicação e conquistar mais clientes serão otimizadas.

Gostou do artigo sobre análise SWOT e quer continuar estudando sobre como aprimorar o planejamento estratégico em sua agência? Então, confira agora este artigo sobre o assunto e seja um gestor expert em estratégia!