30
set

Como criar uma estratégia de conteúdo em vídeo para o YouTube

Confira no artigo os principais benefícios de investir em conteúdo em vídeo para o YouTube e ainda conhecer boas práticas!

como fazer uma estrategia de conteúdo em vídeo para o YouTube

O video marketing está em alta e o YouTube é indiscutivelmente a maior plataforma de vídeos do mundo. Unir os dois em uma estratégia de conteúdo em vídeo é a receita para o sucesso!

Atualmente, muitas empresas já investem nesse formato e uma mudança relativamente recente é o fato de que todas as principais redes sociais, além do YouTube, permitem o upload desse tipo de conteúdo. 

Se você fizer um esforço, pode se lembrar de quando essa não era a realidade do WhatsApp, Twitter ou mesmo do Instagram.

Neste texto, você descobre como fazer um conteúdo em vídeo, quais os principais formatos do mercado, o que considerar na hora de montar uma estratégia e por que ter um canal no YouTube.

Como fazer um conteúdo em vídeo?

A produção audiovisual pode ser dividida em três etapas básicas. 

Elas compreendem desde a criação de um roteiro até a edição e montagem, passando pela captação do material. Continue com a gente para saber mais sobre elas.

Pré-produção

A pré-produção diz respeito a de tudo que envolve a organização de um vídeo. Quais objetos serão utilizados? Como você vai se apresentar perante as câmeras?

Além disso, essa etapa também envolve a criação de roteiro e a pesquisa de mercado. É aqui que você deve buscar informações sobre seu público para identificar que tipo de conteúdos abordar.

Produção

Como o nome sugere, essa é a etapa mão na massa! As redes sociais e os smartphones descomplicaram bastante a produção audiovisual e temos grandes youtubers que podem exemplificar isso.

Porém, alguns cuidados ainda são importantes para garantir uma melhor recepção do seu material. 

Por exemplo, a qualidade da imagem, a iluminação do ambiente, o equipamento utilizado na captação, o cenário escolhido e o áudio merecem os principais pontos de atenção.

Pós-produção

Você fez roteiro, montou um cenário adequado e cuidou com afinco da captação. Infelizmente, o material ainda não está 100% finalizado! A pós-produção é responsável por criar um encantamento no seu vídeo.

É nela que você pode inserir trilha e efeitos sonoros, animações, lettering, legendas e outras informações complementares que ajudem seu público a se identificar ainda mais com o vídeo publicado.

Quais são os tipos de conteúdo em vídeo existentes?

Interessantes, didáticos e com altas taxas de retenção, os vídeos são um dos formatos mais queridos pelo público atualmente. 

Existem diferentes tipos de vídeos nos quais você pode investir. Acompanhe e conheça os principais formatos!

Vlogs

O termo vlog se origina a partir da junção das palavras inglesas “vídeo” e “blog”. Assim, um vlog é um conteúdo em vídeo que retrata experiências pessoais e situações cotidianas sobre os mais diversos assuntos.

Trata-se de um formato muito utilizado por youtubers e pode ser focado em aspectos específicos — uma viagem, por exemplo.

Tutoriais

Os vídeos tutoriais são os famosos “do it yourself” (ou faça você mesmo). Eles são muito comuns no YouTube e podem ensinar desde como trocar a resistência do chuveiro até como fazer um almoço super prático ou, ainda, como fazer um slime colorido.

O formato costuma trazer um tom bem educativo e se utilizar de vários recursos de pós-produção, como os letterings — os textos que surgem na tela e explicam mais a fundo algo falado no vídeo.

Depoimentos

Os depoimentos são um dos formatos mais utilizados pelos youtubers. Eles trazem informações pessoais e costumam ter um cenário fixo — isso e recursos de edição mais simples são as principais diferenças desse formato para os vlogs, que normalmente têm mais imagens externas e de cobertura.

Justamente por falarem de temas pessoais, esses conteúdos costumam ser os mais viralizados nas redes. As pessoas se identificam e sentem a necessidade de compartilhá-lo.

Ainda assim, uma pesquisa é importante para garantir que você abordará temas que sejam relevantes tanto a você quanto ao seu público. É aqui que entra a importância de saber criar uma estratégia de conteúdo em vídeo.

Como criar uma estratégia de conteúdo em vídeo?

Criar conteúdo audiovisual não é uma tarefa simples. A produção nesse formato exige pesquisa e algum conhecimento técnico. Como organizar tudo isso de forma a criar uma estratégia de vídeo de sucesso? Confira 3 importantes dicas a seguir!

Frequência

Não importa o tipo de conteúdo que você venha a produzir. Definir uma frequência de publicação é fundamental para a criação de um relacionamento com o seu público. 

Você já deve ter reparado que os principais youtubers divulgam o dia e o horário em que seus vídeos são liberados nas redes sociais, certo?

Isso cria uma expectativa saudável e é algo que você também pode adotar. Você pode desenhar uma grade editorial e apresentá-la aos seus seguidores, informando quais conteúdos são publicados em que dias e horários.

Público

Conhecer o público é fundamental no desenho de uma estratégia de conteúdo. Afinal, eles são os responsáveis pelo seu sucesso e crescimento. 

Conhecê-los pode (e deve) influenciar na criação de pautas e roteiros para o seu canal, por exemplo.

Você pode até mesmo perguntar o que eles esperam do seu canal nas redes e quais abordagens eles desejam encontrar no seu perfil. 

Isso alinha expectativas, aprofunda o relacionamento e, de quebra, já ajuda na identificação do que é relevante para a sua audiência.

Métricas

Como saber se um vídeo teve uma boa performance? Antes de mais nada, identifique seus objetivos. Ter metas ajuda na avaliação das métricas e, também, na alteração da estratégia, quando é o caso.

Depois disso, é importante ter algum tipo de parâmetro. Se você quer ter um grande número de visualizações, pesquise as médias do mercado e dos seus principais concorrentes. 

Por exemplo, se você tem um canal de culinária, estude as práticas da sua principal referência na área, mas compare-se com alguém que tenha o mesmo número de seguidores.

Por que usar o YouTube como estratégia de conteúdo em vídeo?

O brasileiro consome cada vez mais vídeo. A afirmação é do Google, a partir de uma pesquisa realizada em parceria com a Box1824, em 2018. 

Atualmente, as principais redes sociais permitem a publicação de vídeos. Ainda assim, o YouTube reina absoluto para esse fim. Veja por que investir tempo e dinheiro na produção de conteúdo para essa plataforma!

Público diversificado

Criado em 2005, o YouTube já ultrapassa a marca de 2 bilhões de usuários únicos mensais. No Brasil, 96% das pessoas com acesso à internet acessam a rede social pelo menos uma vez a cada 30 dias.

Ainda que bastante macros, esses números nos trazem uma ideia sobre a diversificação dos usuários da plataforma. 

Quando bem trabalhados, seus vídeos podem alcançar uma variedade de perfis e aumentar consideravelmente a sua base de fãs.

Indexação no Google

Uma das grandes vantagens do YouTube com relação a outras redes sociais — e até mesmo sites — é que seus conteúdos são indexados na busca do Google. 

Assim, quando o SEO de vídeo é seguido, o seu material pode aparecer em pesquisas como “como fazer um risoto” da mesma forma que o post de um blog apareceria.

O SEO para vídeos é bastante semelhante ao usado para textos, mas existem algumas outras “boas práticas” específicas para o YouTube. Dentre elas, podemos destacar as tags, a thumb personalizada, a cartela final e os vídeos relacionados.

Possibilidade de monetização

Sabe quando você dá o play em um vídeo e ele é interrompido por uma propaganda? Como em diferentes outras redes sociais, marcas podem anunciar no YouTube e divulgar seus produtos a seus consumidores.

Porém, uma parte do valor investido é revertido aos canais que hospedam essa publicidade. Canais que tenham mais de mil inscritos já podem solicitar a monetização de seus vídeos.

Existem diversas vantagens em investir nesse tipo de conteúdo. Uma delas é o fato de se tratar de uma formato educativo e que traz ainda a possibilidade de um storytelling emocionante. 

Porém é preciso ter em mente algumas boas práticas para ganhar reconhecimento e visibilidade como produtor de conteúdo em vídeo.

A gente espera que este texto tenha ajudado nesse sentido. Caso tenha alguma dúvida, é só deixar um comentário abaixo!

Este artigo sobre conteúdo em vídeo foi produzido pela equipe da Hotmart.